http://folhanewsletter.blogspot.com.br

sexta-feira, 23 de setembro de 2011

Comida Japonesa? Nunca Mais!

Comida japonesa é o que há! Dizem alguns... Já outros, torcem o nariz - ou toda a cara mesmo - de nojo, só de pensar em peixe cru e demais coisitas... Há de se assumir, que tal pensamento, realmente não nos remete as mais perfeitas das imagens... Sobretudo, - e desde já peço perdão pela opinião um tanto quanto radical - aqui em terras tupiniquins, virou modismo degustar a culinária japonesa. "Todo mundo come" - ai, ai, não vá pensar besteira, caro leitor - ou, ah, vai, experimenta; é divino; você vai adorar... Um em cada quatro amigos, vive a te dizer... E você, para não ficar mal na fita, ou simplesmente ser o do contra, topa encontrar a galera e servir de cobaia, por assim dizer...

Vou imaginar um suculento cheeseburguer, ou uma viciante McFritas, você diz a si mesmo; e ao chegar ao restaurante, ri, na maior cara dura, fingindo a maior de todas as empolgações... E aí, enquanto mastiga aquela coisa - não exatamente ruim, mas nada tão do outro mundo assim... - matuta o que responder a fim de não desapontar o seu ansioso amigo, que no fundo, espera que digas, que amaste comida japonesa e, que a amará para todo sempre! Em questão de imperceptíveis milésimos de segundo, você pensa em dizer, nada mais que a verdade, nua e crua: "- Olha, a comida não é ruim, mas... não é nenhuma Brastemp! Sinceramente? Não me apetece!"

Pronto! Das duas uma, ou você se sente igual a um extraterrestre - total - por contrariar a maioria e atura o mais novo rótulo de fresco ou enjoado... Ou pior, você diz que adorou e passa a ter de degustá-la de vez em quando... Aí, perante a outros amigos - que como você antigamente, nem sabiam o que era Sushi - os quais não entendem, de pronto, seu novo patamar culinário e, curiosos, lhe indagam: - O que é isso que está comendo? Ligeiramente sem graça, apenas responde o óbvio: - É comida japonesa!

- Eu sei! - contra-argumenta seu amigo - Mas do que é feito?

Desconcertado com tal cena, seu semblante nem esconde o embaraço... Ainda sem fala, você escuta uma "sutil" indireta do amigo que saboreia um BigMac : " - Aff, a pessoa come algo sem saber bem o quê, só porque outros também o fazem... só para aparecer!"
Não riam! Aconteceu comigo... Enfim, apesar de não querer desrespeitar o gosto de ninguém; e de talvez, por vezes, sentir-me uma alienígena - por ser do contra - o fato é que, embora não considere o gosto em si, ruim; a culinária japonesa não me apetece! É fato, que quando me bate um desejo de jantar fora, ou de reunir-me com os amigos; a última ideia a me passar pela cabeça, é a de ir num restaurante japonês... E daí, se tive uma influência muito americanizada? Além disso, tenho a "desculpa" - nada esfarrapada, porque aconteceu mesmo - de que da última vez que ingeri tal iguaria, acordei durante a madrugada, passando mal... Que me perdoem os fãs, mas... Comida japonesa, nunca mais!

Por Lílian Soares
Publicado anteriormente em: http://lilly-contos-encantos.blogspot.com
Fonte da Imagem: http://jailsontemaki.blogspot.com/

0 comentários :

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...