http://folhanewsletter.blogspot.com.br

segunda-feira, 9 de janeiro de 2012

Alma penada dá até tapa na cara

12:00 By Folha Newsletter , No comments

Espírito não gostou de ficar no escuro em uma capela

Ignacio trabalha há 17 anos em um dos mais tradicionais cemitérios do Rio, e desde que chegou lá ouve relatos dos funcionários mais antigos sobre aparições e ressuscitações, entre outras coisas. Mas nunca algo havia acontecido com ele. Até o ano de 2010.

Embora seja funcionário administrativo, eventualmente passeava pelas capelas para saber se estava tudo em ordem, se faltava algo no banheiro, enfim, se a situação estava sob controle. Mas no mês de setembro daquele ano, ao entrar em uma capela, notou que o corpo de um homem razoavelmente novo e de boa aparência estava sozinho. Não havia um só visitante naquele lugar, embora, duas capelas adiante, um grande movimento de pessoas se fizesse por conta de outros defuntos.

Ignacio examinou, apagou a luz do banheiro, deixou a porta encostada e foi ver o tumulto. Só que depois percebeu que a porta da capela onde estava o rapaz abrira novamente. Ao se aproximar, viu que também a luz do salão e do banheiro estavam acesas. Entrou, apagou tudo de novo e quando pensava em voltar recebeu um tapa na cara que deixou até marca. Só que não havia ninguém ali.

Desesperado, Ignacio saiu rapidamente da capela e levou algum tempo para revelar o que aconteceu aos colegas.

Para ele, essa foi à confirmação de algo que já haviam dito: mortos recentes precisam de luz e oração. Se o corpo estava sozinho, ele queria uma luz nem que ela viesse de uma pequena lâmpada.

Essa e outras histórias você ouve toda quarta-feira às 21h, em www.conexaojornalismo.blogspot.com

Por Folha Newsletter - com informações do jornal Expresso-RJ

0 comentários :

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...