http://folhanewsletter.blogspot.com.br

domingo, 5 de agosto de 2012

Saiba como tratar o excesso de sudorese

Geralmente esse quadro aparece e desaparece várias vezes ao dia, tanto em dias quentes quanto em frios


Reprodução

Você transpira demais? Usa mais de uma vez ao dia desodorante para controlar o suor? Pode ser que você seja portador de hiperidrose (suor em excesso). São inúmeros os motivos que provocam a transpiração em excesso, mas isso pode ser amenizado com alguns tratamentos.

“Suar é normal, fisiológico, todas as pessoas suam. O suor resulta de um mecanismo que o nosso centro da temperatura utiliza para baixar a temperatura do nosso corpo. Isso somente deve ocorrer durante dias quentes, ou permanência em locais aquecidos, ao realizarmos atividade física, além dos processos psicossomáticos. Caso contrário, a pessoa está com excesso de transpiração”, explica o dermatologista Fernando Passos de Freitas.

A transpiração excessiva pode ocorrer em diversas regiões do corpo como couro cabeludo, mãos, axilas, coxas, pés, costas, e pode ser tratada com aplicações da toxina botulínica ou com uma cirurgia mais agressiva, a simpatectomia. Vejam quais são os tratamentos visando amenizar o problema.

Como saber quem é portador de hiperidrose?
Não existe exame laboratorial específico para definir quem é portador dessa patologia. É preciso observar sintomatologia apresentada, como a sudorese abundante (umedecer, molhar ou encharcar) não em todo o corpo, mas sim em áreas localizadas (face, couro cabeludo, pescoço, axilas, mãos, nádegas, virilhas e/ou pés). Geralmente esse quadro aparece e desaparece várias vezes ao dia, tanto em dias quentes quanto em frios.

Como tratar a hiperidrose com medicamentos tópicos?
Comumente são fórmulas manipuladas/receitadas por dermatologistas que devem ser aplicadas nas axilas, mas que também podem ser aplicadas nas mãos, pés e afins. Atualmente existem no mercado alguns produtos como desodorantes, antiperspirantes, adstringentes, talcos que podem amenizar o problema.

Posso tratar a hiperidrose com psicoterapia (psiquiatra ou psicólogo) e obter bons resultados?
Não e sim. A psicoterapia pode ser uma excelente associada. A hiperidrose é decorrente de uma disfunção do sistema nervoso autônomo - inervação simpática e não do sistema nervoso central. Os tratamentos com psiquiatras e/ou psicólogos auxiliam todas as pessoas a lidarem com situações difíceis, a aceitar nossas limitações, mas não irão solucionar o problema por completo.

Como é feita a aplicação da toxina botulínica para tratar hiperidrose?
A aplicação deve ser feita com o uso seringas de insulina para assim conseguir evitar o desconforto (dor) e aumentar a precisão do procedimento. Em geral, há necessidade de 15 a 30 injeções da substância nas áreas afetadas.

Quanto tempo dura o efeito da toxina?
O suor irá desaparecer por um período que varia de 6 a 12 meses. Esse tempo de duração dependerá da dose e do número de pontos aplicados, da quantia de suor que a pessoa apresentava e de sua capacidade de absorção do medicamento.

Como tratar a hiperidrose com cirurgia?
O tratamento cirúrgico não é seguro e os resultados devem ser definitivos. A cirurgia é chamada de simpatectomia, simpaticotomia ou clipagem do nervo simpático. Nem sempre os resultados satisfazem os objetivos propostos. Tal procedimento está cada vez mais em desuso.

Yahoo! Brasil

0 comentários :

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...