http://folhanewsletter.blogspot.com.br

terça-feira, 18 de setembro de 2012

O misterioso agir de Deus em favor dos homens

19:33 By Folha Newsletter No comments

Você crer e confia em Deus?

Confiar na hora da dor é difícil, mas é preciso... Às vezes, você pensa que Deus não o ouve? Que o seu choro e a sua dor somem no vento? Não, Deus não é surdo.


Deus sabe que Seus filhos têm medo, que nossa fé é pequena, a ansiedade grande, e que, muitas vezes, somos infiéis. Mas Ele, mesmo assim, nos ama incondicionalmente e nos acolhe em Sua infinita misericórdia.

Quase sempre a bíblia associa O Mar, a lutas e dificuldades, e quase sempre vemos o livramento e a vitória que Deus tem para os seus filhos, mas hoje quero falar de momentos em que o mar da vida se enfurece e as ondas batem no nosso barco muitas vezes nos levando ao naufrágio, clamamos para que Deus acalme as ondas, mas parece que Ele não nos ouve, e o mar continua bravio.

Quantas vezes nos sentimos completamente incapazes de dizer ou fazer qualquer coisa para aliviar a nossa dor e a daqueles que sofrem. E aí perguntamos: "Deus, por que será que passo por isso, mesmo quando O busco com meu coração repleto de amor? Será que o Senhor está querendo me ensinar alguma coisa através das situações dolorosas?" Não seria isso totalmente antagônico, se Deus é sinônimo de vida e de vitória?

"A palavra de Deus é muita clara quando relata que Ele (DEUS), dá ordem aos seus anjos para nos ajudar". Existe um mundo espiritual, que resumi-se em tropas de anjos ministradores que estão ativos na vida de cada crente. Não somente Deus está ao nosso favor como também, essa grande tropa prontos a nos defender de toda e qualquer cilada do inimigo. A Bíblia deixa bem claro que Deus dá ordens aos seus anjos para nos guardarem em todos os nossos caminhos".

Deus recebe, acolhe e responde aos nossos pedidos. Mas no tempo d’Ele, porque Ele é o Senhor do nosso passado, do presente e também do futuro e, sabe o que passaremos lá na frente. Nossa ansiedade quer tudo para o agora, nosso coração enganoso faz escolhas erradas, e nossas opções, muitas vezes, não são as de Deus. Deveríamos ser prudentes e praticarmos Sua Palavra. Mas nossa natureza é dura. O Senhor sabe disso. Por isso sofremos. Confiar na dor é difícil, mas é preciso. O mais bonito no agir de Deus é que quando confiamos n’Ele nesses momentos, Suas bênçãos nos chegam repentinamente, no momento menos esperado.

E para ilustrar isso, recentemente, um arquipélago na Micronésia (Oceania), conseguiu se salvar de forma cinematográfica após passar 15 semanas à deriva no oceano Pacífico e acompanhar a morte de seu cunhado.

O pesadelo de Toakai Teitoi, de 41 anos, começou no dia 27 de maio, quando ele viajou para Tarawa, capital de Kiribati, para ser empossado como policial.

No retorno para sua cidade, Maiana, que fica em outra ilha, Teitoi resolveu mudar os planos e tomar um barco para casa. Para completar a jornada, ele tomou uma carona com seu cunhado, Ielu Falaile, de 52 anos.

Mas após uma parada longa para pescar e uma noite de sono, eles acordaram no dia seguinte à deriva, completamente perdidos no oceano Pacífico. Mais tarde, o combustível da embarcação chegou ao fim. Era o início de um drama que parecia não ter fim.

— Nós tínhamos o que comer, mas não tínhamos nada para beber.

Os dois homens no barco começaram então a sofrer de desidratação. Falaile não resistiu, morrendo cinco semanas depois, no dia 4 de julho.

— Naquela noite eu dormi ao lado do corpo dele, como em um funeral.

Teitoi jogou o corpo de seu cunhado no mar na manhã seguinte.

Em entrevista ao tabloide britânico Daily Mail, Teitoi contou que dois eventos mudaram completamente sua sorte, quando ele já estava quase sem esperanças.

No primeiro deles, uma chuva tropical caiu sobre a embarcação, permitindo que ele bebesse água.

O segundo foi mais inusitado ainda: o encontro com um tubarão. - mas como assim tubarão? - Deus age de forma simples meu querido. As pessoas esperam algo grandioso da parte de Deus, sobrenatural, mas ele usa pequenas coisas para exercer sua misericórdia em nosso favor.

De acordo com Teitoi, um dia, quanto estava deitado sob o sol, protegido por um pano estendido na frente do barco, ele sentiu um golpe forte no fundo da embarcação.

— Quando olhei para o mar, notei um tubarão de quase 2 m rondando o barco. Mas os golpes do tubarão atingiam principalmente o casco.

Para Teitoi, o tubarão estava tentando chamar sua atenção, pois ele estava dormindo naquele momento.

— Então eu me levantei e vi a popa de um navio. Não pude acreditar nos meus olhos. Eu apenas conseguia ver a tripulação do navio me observando por binóculos.

Teitoi então começou a acenar freneticamente, chamando a atenção do navio, que se aproximou e o resgatou.

— Se o tubarão não tivesse me acordado, a tripulação do navio poderia pensar que eu não estava com problemas, me deixando para trás, afirmou ele.

Todos devemos crer que um dia todas as doenças, toda a dor, toda a tristeza, toda a frustração, todo o rancor serão curados e todos os dias maus – aqueles cruéis momentos em que esperamos, mesmo sem esperanças – serão recompensados. Mas enquanto isso, descansemos no colo do Pai, pedindo-Lhe que entre com Sua providência divina em nossas vidas. Basta darmos um único passo de fé. E não questionar onde Deus está quando somos acometidos pelos sofrimentos. Ele nos observa o tempo todo. E os permite para nos ensinar a repousar e a crer que Ele opera nas circunstâncias mais adversas. Deus trabalha assim. No silêncio. E quem somos nós para questioná-Lo?

Adaptado por Folha Newsletter

Referências:
noticias.r7.com
www.taufrancisco.com.br
www.webartigos.com
pensador.uol.com.br/livramento

0 comentários :

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...